Balé Teatro Guaíra apresentará “Lago dos Cisnes” na Noite de Abertura do 39º Festival de Dança de Joinville

Mais de 40 profissionais entre artistas, staff e técnicos do Balé Teatro Guaíra estão trabalhando na preparação para a Noite de Abertura do 39º Festival de Dança de Joinville. A terceira companhia de dança mais antiga do Brasil dará a largada no dia 19 de julho, às 20h, nas apresentações no palco do Centreventos Cau Hansen. A coreografia escolhida foi o clássico do ballet “O Lago dos Cisnes”.

image (5)
“É uma grande responsabilidade e, ao mesmo tempo, motivo de muito orgulho, pois o evento tem uma dimensão e importância que é extraordinária. É uma oportunidade incrível de troca entre artistas da dança do país todo, e de outros países. E não é apenas o tamanho, mas qualidade do evento, da organização, que torna o festival tão importante. Estamos muito felizes com a possibilidade de mostrar o ‘Lago’ na abertura”, avalia Luiz Fernando Bongiovanni, Diretor do Balé Teatro Guaíra (BTG).

image (6)
Conforme Luis Fernando, o trabalho fecha uma trilogia de amor trágico que o diretor desejava fazer há alguns anos no BTG, juntamente com “Romeu e Julieta” e “Carmen”. “É um trabalho impactante visualmente, envolvente e comovente. O trabalho se baseia na história clássica, conhecida de todos que trabalham com dança, mas com uma roupagem contemporânea, atual”, pondera.

“Nossa perspectiva é mais sobre o processo de construção de independência e autonomia do que o da busca da perfeição. Recontamos a história a partir de um sujeito, o príncipe, que busca se desvencilhar de uma mãe controladora. É o momento em que um jovem começa a fazer suas próprias escolhas, mesmo que sejam diferentes dos caminhos idealizados por seus pais. E o fio condutor desse processo todo é o amor”, acrescenta.

Balé Teatro Guaíra

O Balé Teatro Guaíra foi fundado em 1969, em Curitiba (PR). O primeiro grupo de dez bailarinos, contratados por meio de concurso público, foi coordenado por Yara de Cunto e, posteriormente, pelo paranaense Ceme Jambai.

A primeira apresentação foi a coreografia “Impacto”, criada por Yara, em 1969. Em 1970, assume Yurek Shavelewski. Na década seguinte, a companhia foi a responsável, pela primeira vez, pela atração da Noite de Abertura do Festival de Dança de Joinville. A segunda edição do evento, realizada em julho de 1984, teve seu início com a apresentação “O Grande Circo Mistico”.

Alessandra Lobo

Alessandra Lobo

Alessandra Vieira Lobo possui larga experiência no colunismo social por ter trabalhado ao lado do pai, o colunista, João Carlos Vieira (in memoriam), de 2001 a 2007, no Jornal A Notícia. Assinou diariamente a Coluna Persona, no Jornal Notícias do Dia,  de julho de 2009 até dezembro de 2016, foi apresentadora do Programa Espaço News Norte, na Record News, é colunista na Revista DUO,  e Digital Influencer no Instagram @alelobo

Deixe seu comentário

Sobre a Ale Lobo

Alessandra Vieira Lobo é colunista na Revista DUO e Digital Influencer. Assinou diariamente a Coluna Persona, no Jornal Notícias do Dia, de julho de 2009 até dezembro de 2016, foi apresentadora do Programa Espaço News Norte, na Record News.

Posts Recentes

Envie sua mensagem

ou envie um email para

Cadastro realizado com sucesso.

Enviaremos as novas publicações em seu email.

Mensagem enviada com sucesso.

Retornaremos o mais breve possível.